Revista Texto e Contexto

GDP “ESTRELA DE BELÉM”

Como Combater o Bullying na Escola.

Falar sobre “bullying” ou tentar combatê-lo é um assunto muito delicado, pois se trata da agressão física e psicológica sofrida por muitas crianças e adolescentes.

Deprime-me profundamente, saber que enquanto escrevo essas palavras, existem pessoas sofrendo e sendo humilhadas na própria escola, onde deveria ser um lugar de respeito e plena segurança. De certa forma, todos nós compreendemos o que é “bullying”, mas não damos a importância necessária a esse assuntos. E se me perguntarem se já sofri bullying, direi que sim, pois na minha opinião, todos sofrem esse tipo de preconceito.

.Quem nunca se envergonhou quando o(a) atrevido(a) da sala lhe encheu de defeitos?

Com certeza, muitos já passaram por esse constrangimento e eu como aluna infelizmente vejo isso, como algo tipico do meu cotidiano.
Uma das formas mais simples de combater o bullying, é a participação dos pais na vida escolar dos filhos, porque muitas vezes o(a), agredido(a) não conta aos pais por vergonha e constrangimento.
Por isso, se você for pai ou mãe, procure sempre dialogar com seu filho, pois este é o melhor caminho para se descobrir se seu filho é um agressor ou um agredido.
Vamos todos ser antibullying, para termos um mundo melhor.

(Aluna: Mylena B. A. Rosa – 9° G – Vesp.)

DEPOIMENTOS

“O melhor meio para se combater o “Bullying” escolar, é a pessoa ter limites dentro de sua própria casa e fora dela também”.

(Aluna: Andrêza Aparecida de Oliveira – 9° G – Vesp.)

“Eu penso assim: cada pessoa tem que respeitar os defeitos uma da outra. Ninguém é igual a ninguém. Todos nós somos diferentes uns dos outros”.

(Aluna: Karla dos Santos – 9° G – Vesp.)

“As pessoas que sofrem com a prática do bullying, não devem retrucar. Devem falar com um colega ou um adulto de sua total confiança e principalmente não se deixar abater com os insultos em geral”.

(Aluna: Rafaela Cunha – 9° H – Vesp.)

“Ria com seu colega e não dele”.

(Aluno: Lucas de Oliveira – 9° H – Vesp.)

“Na minha opinião, acho que em todas as escolas tem que criar um projeto para incentivar os alunos a não se desvalorizarem, para não serem maltratados pelos próprios colegar”.

(Aluna: Eudilene da C. Almeida – 9° H – Vesp.)

“Vamos entender melhor o que é BULLYING?
O bullying é toda agressão feita com a intenção de machucar pessoas ou até mesmo a turma inteira e para ser considerado bullying, é preciso que essa atitude agressiva se repita muitas vezes.
Bullying: não tem a menor graça!”

(Aluna: Ana Crolina de Castro – 9° G – Vesp.)

“Acho que para acabar com o bullying todos devem aprender a respeitar as diferenças e as pessoas quem veem o bullying sendo praticado, devem agir ao invés de omitirem.”
Bullying: uma graça que não tem graça!

(Aluna: Rosane Rodrigues – 9° G – Vesp.)

Colaboração Professora Lia Silva

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s